Sexta, 23 de Julho de 2021 16:59
(89) 99456 5679
Geral Piauí

Parceria entre Uespi e Suparc visa a promover futuros profissionais para projetos na área de energia limpa

A partir dessa parceria, serão realizados projetos de extensão pesquisa e ensino abrangendo várias áreas do conhecimento que vão desde o ensino superior até o ensino básico em todo o estado do Piauí

25/06/2021 10h50
Por: Redação Fonte: Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

O Piauí é destaque e pioneiro quando o assunto é inovação e energias renováveis. Nacionalmente e internacionalmente, o estado se tornou referência no empreendimento de energias renováveis, além de ser o maior produtor de energia solar do país. Emliverealizada, na última quarta-feira (23), foi apresentada a implantação do Núcleo de Energia Limpa do Piauí, fruto da parceria da Universidade Estadual do Piauí (Uespi) e a Superintendência de Parcerias e Concessões do Piauí (Suparc), e foram abordados os impactos positivos que esse projeto trará para o estado.

 

 

“O Piauí é líder nacional na produção de energia solar fotovoltaica e um dos maiores produtores de energia eólica no Brasil. Além de possuir os maiores empreendimentos em energia solar e eólica da América Latina, o estado está em constante expansão quando o assunto é energia distribuída”, contou um dos idealizadores do projeto, professor Juan Aguiar. Com o intuito de aproveitar todo o potencial que o estado oferece quando se trata de energia distribuída, o docente conta que procurou uma forma de socializar e gerar ações que beneficiassem tanto a comunidade acadêmica quanto à população em geral. “Havia a necessidade de um espaço especializado para a socialização, capacitação e pesquisa das tecnologias aplicadas para esse tipo de projeto em energias renováveis, a nossa Uespi foi contemplada por meio das ações sociais advindas do projeto de energias limpas do estado”, descreveu.

A partir dessa parceria, serão realizados projetos de extensão pesquisa e ensino abrangendo várias áreas do conhecimento que vão desde o ensino superior até o ensino básico em todo o estado do Piauí, reforçando assim o ensino itinerante.

O Núcleo de Energias Limpas vai permitir ainda que os pesquisadores das variadas áreas e instituições do Núcleo de Formação e Pesquisa em Energias Renováveis do Piauí (Nufperpi) contribuam para o desenvolvimento interdisciplinar e interinstitucional do Piauí, ou seja, o estado entrará para o seleto grupo de estados da federação que possui espaço especializado para o estudo de energias renováveis. “Nós estamos saindo na frente, de forma pioneira e priorizando tanto a instituição quanto a pesquisa”, finalizou o professor.

O reitor afirmou que a Uespi está sempre em busca de grandes projetos que tragam ações positivas para a universidade e para o Estado
O reitor afirmou que a Uespi está sempre em busca de grandes projetos que tragam ações positivas para a universidade e para o Estado

O reitor da Uespi, Evandro Alberto, participou dalivee destacou a importância de apresentar os projetos que estão sendo desenvolvidos em prol da melhoria da instituição. “Esse é um momento importante que proporcionou apresentar os projetos que estão sendo feitos na área da energia renovável no estado, são núcleos que estarão à disposição da comunidade estudantil, do ramo empresarial e da inovação e da descoberta de novas tecnologias, uma parceria muito importante que trará frutos grandiosos para a nossa Uespi”, explicou o reitor.

A superintendente de Parcerias Público-Privadas do Piauí, Viviane Moura, explicou os principais pontos do projeto, além de contar uma novidade que beneficiará ambas as instituições. “Atualmente, há dois projetos de parcerias público-privadas que estão transformando e revolucionando o nosso estado, ambos envolvendo inovação e modernização e acessibilidade, são eles: Núcleo de Formação e Pesquisa em Energias Renováveis e a implantação das oito miniusinas de energia solar fotovoltaicas nas cidades piauienses. Nosso propósito é transformar a infraestrutura e, consequentemente, melhorar a vida das pessoas por meio da inclusão, gerando empregos, renda, mudando para melhor a realidade da população relacionada direta e indiretamente com os projetos”, contou Viviane Moura.

Biblioteca

A Universidade Estadual do Piauí ganhará mais um fruto dessa parceria: uma nova biblioteca no Campus Poeta Torquato Neto, a biblioteca central da instituição. Viviane Moura explica que o projeto irá marcar um novo momento para a universidade. “Além dos projetos já apresentados, nós também temos um projeto que é um sonho da Uespi, idealizado pelo magnífico reitor, que é a biblioteca. Ela está dentro do nosso portfólio de apoio que vai ser empreendido pela iniciativa privada que as empresas e as concessionárias vão dar para  nós piauienses, a construção da nova biblioteca está dentro do projeto da transcerrado, como uma ação social das empresas, para que a gente possa, de alguma forma, viabilizar uma estrutura melhor dentro da na universidade para que ela forme ainda mais talentos e profissionais capacitados para atuar no desenvolvimento do estado”, finalizou a superintendente.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Queimada Nova - PI
Atualizado às 16h40 - Fonte: Climatempo
30°
Poucas nuvens

Mín. 21° Máx. 30°

29° Sensação
28.7 km/h Vento
35.7% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (24/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 29°

Sol com muitas nuvens
Domingo (25/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 29°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias